Tel.: (11) 3149-5190 | 0800-773-9973

logo home

leucemia

Data de criação: 18 Abril 2016 Last modified on 18 Abril 2016

Monitorando o Tratamento - LMC

Consultoria – Dr. Guilherme Perini

Como vimos, são diversas as opções para o tratamento da LMC, e todas com resultados animadores. Mas monitorar os resultados obtidos é fundamental quando falamos sobre as leucemias crônicas. Para isso, diferentes exames são realizados, e cada um deles mostrará como o paciente está reagindo à terapêutica.

 

PCR

Abreviatura de reação em cadeia da polimerase, o PCR quantitativo é uma das principais ferramentas para o acompanhamento da doença. Ele é bastante sensível na detecção do BCR-ABL, pois amplia em pequenas quantidades de pedaços específicos o DNA deste gene.

Para se ter uma noção, por meio de uma amostra de sangue ou da medula óssea, o PCR pode encontrar aproximadamente uma célula anormal em meio a um milhão de células.

Ele deve ser realizado a cada três meses, até o paciente atingir a resposta molecular maior (RMM), ou 18 meses de tratamento. Após isso o monitoramenta-se a cada seis meses. O objetivo é manter o BCR-ABL em níveis baixos ou o mais baixo possível.

Quando a resposta molecular é completa, significa que o exame não encontrou o gene BCR-ABL no sangue. Já a resposta molecular maior significa que a quantidade do gene no sangue é 1/1000 (ou menos) do que o esperado em alguém com leucemia mieloide crônica não tratada.

 

Exame citogenético

Por meio de uma amostra de sangue ou da medula óssea, ele mede o cromossomo Philadelphia (Ph+). São dois os tipos de testes citogenéticos:

· Cariótipo – usado para identificar anormalidades cromossômicas em um pequeno número de células.

· FISH (Hibridização In Situ por Fluorescência) – teste mais sensível, que pode detectar uma célula anormal em meio a 700 células normais.

A resposta citogenética completa (RCC) acontece quando nenhuma célula anormal, com o cromossomo Ph+, são identificadas. Ela pode durar até um ano ou mais (18 meses), então esses testes podem ser repetidos a cada três ou seis meses.  

 

Hemograma

Um exame de sangue completo irá medir se os níveis de glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas voltaram ao normal. Essa melhora é chamada de resposta hematológica (RH). Na resposta hematológica completa (RHC), a contagem de leucócitos (um tipo de glóbulo branco) não está mais elevada e a contagem de plaquetas, normal. Ela costuma acontecer após três meses de tratamento.  

 

 

 

Vídeos de LMC

Depoimentos de LMC

  • Talvez viver ao máximo seja seguir o seu propósito, o meu propósito é a felicidade, aos meus 43 anos os médicos me disseram que eu tenho leucemia, leucemia mieloide crônica, hoje aos 44 anos minha vida mudou... Tudo começou com a perda de peso, dores no baço, mas fui diagnosticado rapidamente. Passei por vários exames, vários medicamentos... só quem passa por isso sabe realmente o sentido da vida... Muitas vezes pensei em desistir, por estar sozinho, por tudo ter acontecido ao mesmo tempo... por ter terminado um relacionamento, por ter descoberto o câncer... A leucemia é silenciosa, muitas vezes sem Leia mais
    Talvez viver ao máximo seja seguir o seu propósito, o meu propósito é a felicidade, aos meus 43 anos os médicos me disseram que eu tenho leucemia, leucemia mieloide crônica, hoje aos 44 anos minha vida mudou... Tudo começou com a perda de peso, dores no baço, mas fui diagnosticado rapidamente. Passei por vários exames, vários medicamentos... só quem passa por isso sabe realmente o sentido da vida... Muitas vezes pensei em desistir, por estar sozinho, por tudo ter acontecido ao mesmo tempo... por ter terminado um relacionamento, por ter descoberto o câncer...
A leucemia é silenciosa, muitas vezes sem efeitos aparentes, isso faz com que as pessoas a nossa volta até duvidem do diagnóstico... A 10 meses atrás, na hora de tomar banho, quanto eu me tocava, eu mau reconhecia o meu próprio corpo, me olhava no espelho e me sentia outra pessoa... Muitas vezes para o meu padrão, o padrão que eu achava que seria o ideal para mim, eu me sentia um fracassado. Eu era o início e o fim do meu próprio sonho, do meu próprio mundo, e era tão triste, tão pequeno... Mas a minha vida não se limitou a isso. Tudo mudou quando eu olhei pro espelho, quando eu realmente me vi no espelho, sem maquiagem sem disfarce eu me vi realmente... Somos aquilo que desejamos ser, busquei minha força na espiritualidade, no carinho dos amigos, na família, é imaginável o que uma palavra amiga pode fazer por você, um abraço, um gesto de apoio. Um ponto fundamental para mim foi entender a leucemia e neste ponto agradeço as informações da Abrale e as conversas francas com meus médicos.
Por esse motivo, vai a dica: Amadureça, seja sempre mais do que aquilo que você faz, o que você significa deve ser muito mais importante do que aquilo que você faz!!! Hoje após 10 meses de diagnóstico da LMC, estou vivendo, evoluindo, e entendo um pouco mais o significado da vida e do sentimento que chamamos Amor!  Ana Carolina Souza Pinto Leucemia Mieloide Crônica - LMC
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7

Certificados

Busca rápida


Importante!

Os conteúdos disponíveis neste portal são exclusivamente educacionais e informativos. Em hipótese nenhuma deve substituir as orientações médicas, a realização de exames e ou, tratamento. Em caso de dúvida consulte seu médico! O acesso a informação é um direito de todos.

 

Hospedagem Voluntária

hostgator