Menu
Conteúdo gratuito para pacientes de câncer e doenças do sangue, e seus familiares!

As poderosas frutas vermelhas

  

Frutas Vermelhas
Romã, framboesa, amora e uva devem ser incluídos no cardápio de uma dieta saudável e inteligente

Romã, framboesa, amora e uva devem ser incluídos no cardápio de uma dieta saudável e inteligente

Por Carlos Basualdo, do Comitê de Nutrição da Abrale

O Instituto Americano de Pesquisa do Câncer estima que cerca de um terço dos 1,4 milhão de casos de câncer que ocorrem anualmente nos Estados Unidos poderia ser prevenido se as pessoas adotassem uma dieta saudável.

Todos os alimentos in natura possuem propriedades terapêuticas e antioxidantes quando ingeridos de forma correta e consciente. Um grupo de alimentos que possui propriedades interessantes é o das frutas de coloração vermelho-arroxeada.

Romã, framboesa, amora, uvas e mirtilo (blueberry) são considerados uma fonte rica de vitamina C, ácido elágico, fibras e outros antioxidantes (substâncias que ajudam na proteção das células do corpo contra os danos acumulativos e oxidativos). 

O ácido elágico é um composto estudado por suas prováveis propriedades anticâncer. Encontrada em romãs, morangos, cerejas, uvas e amoras, essa substância é responsável pela coloração vermelha dessas frutas – que ajuda a atrair insetos para a polinização – e também pela proteção contra pragas. Possui forte atividade antioxidante, comprovada por estudos recentes, que protege essas plantas da luz ultravioleta de vírus, bactérias e parasitas.

A literatura internacional relaciona o ácido elágico com a redução do risco de malignindade de tumores do esôfago e do intestino.

Nessas casos, atua induzindo a mortalidade das células cancerígenas pelo estímulo da ação de enzimas destoxificadoras – que removem células cancerosas. Esse mecanismo diminui a resistência de tumores tratados com quimioterapia e radiação gama.

O consumo de frutas vermelhas cruas é contraindicado para pacientes com supressão do sistema imunológico (neutropenia), salvo sob liberação médica ou do nutricionista, e para pacientes em tratamento com antitrombóticos ou anticoagulantes. As frutas podem alterar o processo de coagulação sanguínea se consumidas em excesso.

De forma geral, uma dieta saudável deve ser sempre a primeira atitude com relação à prevenção do câncer e durante o tratamento da doença. Frutas diversificadas diariamente são recomendadas. A variedade proporcionará maiores quantidades de polifenóis na dieta.

Não é somente o ácido elágico que vai impedir o surgimento de um câncer, mas sim vários elementos presentes na dieta atuando sinergicamente durante a vida.

Seja criativo na utilização de frutas vermelhas

  • Quanto mais as frutas estiverem frescas, mais antioxidantes elas se tornam. Produtos industrializados, como sucos e polpas, tendem a conter menos compostos benéficos.
  • Framboesa, amora e mirtilo são frutas deliciosas que podem ser encontradas frescas, congeladas ou secas.
  • Misture no seu cereal matinal, seja com iogurte, leite magro ou de soja
  • Faça uma vitamina, misturando-as com leite magro ou de soja para um lanche saudável
  • Adicione as frutas ao recheio de pães, doces e muffins
  • Utilize a polpa congelada e se delicie com frozens e bebidas refrescantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *